Fox PB
Início » Se ligue nos links (28 de setembro)
Destaques Mundo

Se ligue nos links (28 de setembro)

 

1) Guias no Vox, na Slate e no New York Times explicam o impeachment nos Estados Unidos. O Washington Post mantém uma linha do tempo com todos os fatos a respeito das denúncias contra o presidente Donald Trump. O Times também responde a 14 perguntas dos leitores sobre o impeachment e defende em editorial o processo contra Trump. Ainda no Times, o jurista Cass Sunstein afirma que as melhores respostas sobre o tema estão na Constituição e na Declaração de Independência.

Rudolph Giuliani, advogado do presidente dos EUA, Donald Trump, em 9 de julho de 2018 — Foto: Reuters/Leah Millis

2) As conexões com a Ucrânia de Rudolph Giuliani, ex-prefeito de Nova York e advogado de Trump, foram reveladas por uma reportagem de junho no BuzzFeed. Na Vanity Fair, Vanessa Grigoriadis conta como o fracasso de Giuliani na busca de informações comprometedoras contra o democrata Joe Biden levou ao telefonema fatídico entre Trump e o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky. Na New York Review of Books (NYRB), Murray Waas revela como a investida ucraniana de Giuliani está relacionada à tentativa de inocentar Paul Manafort, ex-chefe da campanha de Trump em 2016, preso e condenado por mentir à Justiça. No Just Security, Viola Gienger esmiúça a relação do caso com a luta contra a corrupção na Ucrânia.

3) Também na NYRB, Sophie Pinkham traça o perfil de Zelensky.

4) Ainda na NYRB, Sean Wilentz resenha o novo livro de Tim Alberta sobre a corrosão do partido republicano pelo trumpismo.

5) No Guardian, William Davies analisa por que se tornou tão difícil para a sociedade concordar com um conjunto mínimo de fatos.

O presidente do Irã, Hassan Rohani, ao embarcar rumo a Nova York para a Assembleia da ONU — Foto: Official Iranian President website/Handout via Reuters

O presidente do Irã, Hassan Rohani, ao embarcar rumo a Nova York para a Assembleia da ONU — Foto: Official Iranian President website/Handout via Reuters

6) Na Tablet, Lee Smith narra como o Irã usa a divisão partidária nos Estados Unidos para promover seus interesses.

7) A Foreign Policy publica um dossiê sobre uma misteriosa explosão nuclear em setembro de 1979, atribuída a Israel.

Greta Thunberg em protesto na frente da Casa Branca, em Washington, no dia 13 de setembro de 2019 — Foto: Nicholas Kamm / AFP

8) No Quilette, Katherine Jebsen Moore critica a ativista adolescente sueca Greta Thunberg e afirma que, quando crianças reclamam, os adultos deveriam lhes contar a verdade.

9) No Times, o publisher Arthur Gregg Sulzberger denuncia as ameaças à liberdade de imprensa no planeta.

Três filhotes de tigre-branco no zoológico La Pastora, em Monterrey, México — Foto: Julio Cesar Aguilar/AFP

10) No Conversation, Natasha Ellison explica como o matemático britânico Alan Turing decifrou o mistério das manchas irregulares que surgem na natureza, em especial em peixes ou felinos.

O 'Lustre', como é chamado o computador quântico da IBM, não é vendido pela empresa, apenas sua capacidade de processamento. — Foto: Thiago Lavado/G1

O ‘Lustre’, como é chamado o computador quântico da IBM, não é vendido pela empresa, apenas sua capacidade de processamento. — Foto: Thiago Lavado/G1

11) No site do Boston Consulting Group, Philipp Gerbert e Frank Ruess descrevem as transformações trazidas pela supremacia dos computadores quânticos.

12) Na Scientific American, o matemático Robert Ghrist escolhe um belo teorema que unifica diferentes áreas do cálculo.

 Carl Sagan, ao lado de espaçonave em 1993 — Foto: Divulgação

Carl Sagan, ao lado de espaçonave em 1993 — Foto: Divulgação

13) O Fermat’s Library reproduz um artigo clássico do astrônomo Carl Sagan sobre como detectar picaretagens científicas.

G1

Notícias relacionadas

Veneziano repudia atitude de Bolsonaro convocando população para ato contra a democracia

foxpb

Venda de lotes de frango da Perdigão é proibida pela Anvisa por suspeita de salmonela

foxpb

Previsão do tempo para esta quarta-feira em toda Paraíba

foxpb

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.