Fox PB
Início » Bolsonaro reconhece vitória de Biden mais de um mês após eleição nos EUA
Política

Bolsonaro reconhece vitória de Biden mais de um mês após eleição nos EUA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) reconheceu em um programa de TV nesta terça-feira (15) a vitória de Joe Biden nas eleições dos Estados Unidos.

Em entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, Bolsonaro disse que esperou que os delegados do Colégio Eleitoral confirmassem o resultado favorável ao democrata do pleito de 3 de novembro, o que aconteceu na segunda-feira (14).

“Alguns minutos antes de entrar no ar eu já dei um ‘start’ para o nosso ministro Ernesto Araújo [Relações Exteriores], para ele fazer essa comunicação nossa, nas redes oficiais do governo. Depois, nas minhas redes particulares”, disse Bolsonaro na entrevista.

“Da minha parte, e da parte dele com toda certeza, o americano é pragmático, nós vamos fazer um trabalho de cada vez mais aproximação”, afirmou o presidente, um dos últimos chefes de Estado a reconhecer a vitória.

Somente depois da entrevista, o Itamaraty divulgou nota com o título “Cumprimentos do presidente Jair Bolsonaro ao presidente-eleito dos EUA Joe Biden”.

“Saudações ao presidente Joe Biden, com meus melhores votos e a esperança de que os EUA sigam sendo a terra dos livres e o lar dos corajosos”, diz trecho da nota.

“Estarei pronto a trabalhar com V. Exa. e dar continuidade à construção de uma aliança Brasil-EUA, na defesa da soberania, da democracia e da liberdade em todo o mundo, assim como na integração econômico-comercial em benefício dos nossos povos”, conclui o comunicado.

Imediatamente depois, Bolsonaro também se manifestou em suas redes sociais, reproduzindo a nota do Itamaraty. No Twitter, o presidente brasileiro ressaltou a relação entre Brasil e Estados Unidos, mencionando a “integração econômico-comercial em benefício de ambos os povos”.

“Saudações ao Presidente Joe Biden, com meus melhores votos e a esperança de que os EUA sigam sendo “a terra dos livres e o lar dos corajosos””, disse Bolsonaro.

“Estarei pronto a trabalhar com o novo governo e dar continuidade à construção de uma aliança Brasil-EUA, na defesa da soberania, da democracia e da liberdade em todo o mundo, assim como na integração econômico-comercial em benefício dos nossos povos”, concluiu.

Notícias relacionadas

Trump diz que mandou matar general iraniano para ‘parar guerra, não para começar uma’

foxpb

Toffoli marca julgamento de ação que contesta inquérito do STF sobre fake news

foxpb

Com 53%, Ricardo Coutinho é o candidato a prefeito de João Pessoa mais rejeitado pelos eleitores

foxpb

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.